Imagem: ReproduçãoO título sugestivo deste chick lit , vulgo “literatura de mulherzinha” , nos faz  pensar no que realmente determina se uma pessoa é considerada gorda ou não.  São as medidas? O número das roupas cuja modelagem muda completamente de uma loja para a outra? Essas medidas são padronizadas? Qual o número médio das mulheres brasileiras?

São perguntas que com certeza passam pela cabeça das mulheres que estão com uns quilinhos a mais, ou que simplesmente acham que estão.  E não seria diferente para a ex-estrela mirim Heather Wells, que desde a decadência de sua carreira meteórica como cantora de música pop engordou alguns quilinhos. Não que ela não tivesse motivo, afinal, fora traída pelo noivo com outra cantora muito mas magra; sua mãe roubou todo o seu dinheiro e fugiu para  a Argentina e seu pai não pode ajudar em nada porque já estava na cadeia.

Depois de uma década vivendo o sonho americano, Heather se vê novamente no mundo real onde as pessoas precisam trabalhar para pagar os sorvetes que a fazem se sentir um pouco melhor. Mas o emprego como inspetora de um dormitório universitário também não ajuda, pois lidar com adolescentes já não é fácil, ainda mais quando alguns deles começam a aparecer mortos misteriosamente no poço do elevador.

Seria a tal onda de “surfar” em cima dos elevadores? Heather é a única que não acredita nesta alternativa e começa uma investigação por conta própria.

Com muito suspense e humor, a autora Meg Cabot, da série O diário da Princesa, consegue levantar questões fundamentais sobre a estética determinada pela mídia.  Afinal, como um tamanho que representa a média das mulheres americanas pode ser considerado gorda apenas por não seguir a ditadura estética proposta pela mídia?

Uma leitura leve e divertida para todas as idades.

Info:

Tamanho 42 não é Gorda

Autora: Meg Cabot

Editora: Galera Record

Páginas: 411

ISBN: 978-85-01-07533-8

Comentários

You May Also Like

2 comments

Reply

Acho que tem algo errado 🙂 A capa do livro está com tamanho 42 e na info 44

abs

Reply

Oi, Fernando. Obrigada por avisar. Já arrumamos o problema.
Até mais!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *